Teresina Diário - Conteúdo interativo de notícias, vídeos, esportes, lazer, blogs e jornalismo
18/10/2017 - 09:40 hs

Governo precisa de mais de R$ 1 bi para fechar o ano

Por Katya D'Angelles


 

Na manhã desta quarta-feira (18), o secretário de Fazenda do Estado, Rafael Fonteles, comparece a Comissão de Finanças da Assembleia Legislativa para apresentar os dados do relatório fiscal do Estado nos último 4 meses. Os números a serem apresentados pelo secretário não são otimistas. Apesar de o Governo afirmar que os gastos com pessoal diminuíram nos últimos anos, a preocupação com o atraso dos salários dos servidores ainda é grande. Governo terá de dispor de mais de R$ 1 bilhão em 3 meses.


São 99 mil contracheques que nos últimos três meses do ano representam uma despesa extra para o Estado, um vez que há o pagamento do décimo terceiro salário dos servidores. “É como se o Estado tivesse que fazer quatro folhas de pagamento”, afirma Rafael Fonteles.

O Piauí já ultrapassou o limite prudencial de gastos com pessoal que é de 46,55%  da receita corrente líquida e chegou ao patamar de gastos com pessoal de 46,70% da sua receita corrente líquida.

Respondendo as críticas da oposição de que a máquina estaria inchada com a criação de cargos e coordenadorias e que os gastos com comissionados oneram o Estado, o secretário afirma que o pagamento de comissionados representa apenas 1 % dos gastos com pessoal. 

 





Comentários

*Todos os comentários são moderados. Isso quer dizer que nós lemos todas opiniões e damos preferência para aquelas que agregam mais informação, que tenham personalidade e que não ataquem o autor ou outros leitores do site. O seu email não será publicado ou comercializado.*